O delegado, Giniton Lages, chefe da Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro, afirmou nesta terça-feira (12) que haverá uma segunda etapa de investigações sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e do motorista Anderson Gomes. Nesta fase, serão investigados possíveis mandantes do crime e o paradeiro do carro utilizado no dia do assassinato.

Continue lendo

Foto: (Reprodução/ TV Grande Rio)

O Senado aprovou nesta terça-feira (12) um projeto que busca garantir à mulher o direito de amamentar em locais públicos, privados abertos ao público ou de uso coletivo sem serem constrangidas.

De acordo com o projeto, será considerada conduta ilícita, sujeita a reparação de danos, qualquer ato que discrimine, proíba, reprima ou constranja as mães que quiserem amamentar os filhos.

O texto prevê, ainda, que o responsável pelo ato deverá pagar indenização, em valor igual ou superior a dois salários mínimos, a ser determinado pela Justiça.

A proposta prevê ainda que a amamentação deve ser assegurada independentemente da existência de locais ou instalações reservadas. E que cabe à mulher a decisão de utilizar ou não esses ambientes, caso existam.

Constrangimento – A relatora da proposta na Comissão de Direitos Humanos, Maria do Carmo Alves (DEM-SE), afirma que não há uma lei federal sobre o assunto.

“Os episódios de constrangimento de fato existem, tanto que o município de São Paulo foi levado a editar lei que prevê multa para quem constranger ou impedir a amamentação em público”, diz Maria do Carmo no relatório.

A relatora da proposta em plenário, Selma Arruda (PSL-MT), afirmou que, “pela primeira vez, [o Congresso] está dando ferramentas para assegurar o direito da mulher de amamentar publicamente”.

Dia da Mulher – O texto aprovado nesta terça-feira foi apresentado pela ex-senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). Agora, caberá à Câmara analisar a proposta.

A proposta foi aprovada em sessão que os parlamentares dedicaram ao Dia da Mulher, celebrado na última sexta-feira (8).

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), passou o comando da sessão à senadora Leila Barros, que conduziu a análise de projetos defendidos pela bancada feminina. Outras senadoras se sentaram à Mesa Diretora do plenário durante a sessão.

Na próxima sexta-feira (15/03), às 8h, o prefeito de Carnaíba/PE, no Sertão do Pajeú, Anchieta Patriota (PSB), vai inaugurar a barragem construída pela prefeitura sobre o leito do Rio Pajeú, no Sítio Itã, na zona rural do município.

A solenidade contará com a presença dos deputados federal, Danilo Cabral (PSB), e estadual, Lucas Ramos (PSB), além de integrantes do governo municipal e moradores da região.

Durante a solenidade, o prefeito, Anchieta Patriota, ainda irá entregar 50 kits de irrigação por gotejamento para modernizar as técnicas de plantio e aumentar a produção, bem como a renda dos agricultores do município.

Os kits foram conseguidos junto à Secretaria de Recursos Hídricos do Governo de Pernambuco.

A onda de roubos e furtos volta a amedrontar a população de Serra Talhada nos últimos dias.

No sábado (9), uma jovem foi abordada por uma dupla de assaltantes enquanto pilotava uma moto em direção a sua residência.

O crime ocorreu por volta das 10h30, a poucos metros da Delegacia de Polícia, na Rua João Alves de Carvalho Barros.

Em depoimento, a vítima, de 36 anos, contou que os bandidos chegaram a agarrá-la pelo braço após emparelhar a motocicleta utilizada para o crime, uma Honda Bros, de cor verde, anunciando em seguida o assalto.

Os bandidos só não concluíram o crime graças a um morador que abriu a porta de sua casa e os afugentou. A polícia local investigará o crime. (Farol de Notícias)

Candidatos a uma bolsa do Programa Universidade para Todos (ProUni) que estão na lista de espera têm hoje (12) e amanhã (13) para apresentar a documentação necessária nas instituições de ensino superior nas quais pretendem estudar. 

Todos os estudantes que optaram por participar da lista devem apresentar os documentos que comprovam as informações prestadas na hora da inscrição, independentemente de serem selecionados. No site do ProUni está disponível a documentação necessária.

As próprias instituições de ensino vão convocar os estudantes para preencher as bolsas de estudo remanescentes. 

ProUni – Ao todo, 946.979 candidatos se inscreveram na primeira edição do ProUni deste ano, de acordo com o MEC. Como cada candidato podia escolher até duas opções de curso, o número de inscrições chegou a 1.820.446.

Nesta edição são ofertadas 243.888 bolsas de estudo em 1.239 instituições particulares de ensino. Do total de bolsas, 116.813 são integrais e 127.075, parciais, de 50% do valor das mensalidades.

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior. Em contrapartida, o programa oferece isenção de tributos às instituições que aderem ao programa.

Os estudantes selecionados podem pleitear Bolsa Permanência, para ajudar nos custos dos estudos, e usar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para garantir parte da mensalidade não coberta pela bolsa do programa.

Jot down as many reasons because you are able to feel about. There are several crucial ideas https://1ws.com/web-writing/content-articles.html which can make up economic sustainability. Inside my opinion, studying how to write properly is most likely one of the very best abilities you are able to discover that may enable you to get on better in every facet of your being, and improving your opportunities to make money. Examine your issue thoughts and choose the ideal way to order them. In the long run, the last section of the human body gives the support for the previous motive you listed within the opening. Continue lendo

Na manhã desta segunda-feira (11), a Secretária de Saúde da Prefeitura de Tavares, no Sertão da Paraíba, Shelley Suassuna, se reuniu com o Conselho Municipal de Saúde, para apresentação, avaliação e possível aprovação de balancetes financeiros.

Ainda no encontro, foi discutida a realização da 5ª Conferência Municipal de Saúde, prevista para o dia 05 de abril.

“Estamos buscando cada dia mais qualificar o atendimento a população, contamos com profissionais na secretaria, no Nasf, farmácia básica, Unidades Básicas de Saúde e casa de Apoio em João Pessoa, e o trabalho do Conselho é muito importante para a gestão realizar um trabalho de qualidade para todos que necessitam”, disse Shelley.

Ronnie Lessa, apontado como autor dos disparos contra Marielle, e Élcio Queiroz, suspeito de dirigir o carro — Foto: Reprodução/TV Globo

Com as informações do G1

Policiais da Divisão de Homicídios da Polícia Civil e promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro prenderam, por volta das 4h30 desta terça-feira (12), o policial militar reformado Ronnie Lessa, de 48 anos, e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz, de 46 anos. A força-tarefa que levou à Operação Lume diz que eles participaram dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes. Os crimes completam um ano nesta quinta-feira (14).

O que diz a denúncia – Ronnie Lessa é o autor dos 13 disparos que mataram Marielle e Anderson; ele estava no banco de trás do Cobalt que perseguiu o carro da vereadora.

Élcio Vieira de Queiroz dirigiu o Cobalt.

A investigação ainda tenta esclarecer quem foram os mandantes do crime e a motivação.

Prisões – Segundo informações obtidas pelo G1, Ronnie e Élcio estavam saindo de suas casas quando foram presos. Eles não resistiram à prisão e nada disseram aos policiais.

Ronnie estava em sua casa em um condomínio na Avenida Lúcio Costa, na Barra da Tijuca, o mesmo onde o presidente Jair Bolsonaro tem residência. Élcio mora na Rua Eulina Ribeiro, no Engenho de Dentro.

A Operação Lume cumpre ainda 32 mandados de busca e apreensão contra os denunciados para apreender documentos, telefones celulares, notebooks, computadores, armas, acessórios, munição e outros objetos. Durante todo o dia, haverá buscas em dezenas de endereços de outros suspeitos.

Após a prisão de Ronnie, agentes fizeram varredura no terreno da casa dele e encontraram armas e facas. Detectores de metais vasculhavam o solo, e até uma caixa d’água foi vistoriada.

Eleições 2018 - Ciro Gomes, Bolsonaro

Em uma série de fortes críticas a Jair Bolsonaro e sua equipe, o ex-ministro e ex-candidato à Presidência Ciro (PDT) classificou nesta segunda-feira (11), o presidente como um “adolescente tuiteiro” e o governo como uma “confusão”.

“Eu prometi que só iria fazer crítica depois dos 100 primeiros dias de governo, mas está impossível porque tem este bando de boçal que está brincando de governar”, disse.

“Botaram um garoto de 13 anos, um adolescente tuiteiro para governar o País.” A declaração foi feita em evento do Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa (IREE), em São Paulo.

Ciro afirmou que está preocupado com a “precocidade da confusão” que está se estabelecendo no governo. A fala do pedetista é dita um dia após o presidente da República compartilhar uma notícia com declarações falsas atribuídas à repórter do Estadão, Constança Rezende.

O pedetista criticou ainda, indiretamente, a ideia de se transferir a embaixada brasileira em Israel de Tel-Aviv para Jerusalém. “Que dia que alguém pediu a gente (os políticos) para mudar a embaixada?”, afirmou.

Eleições – Ciro afirmou também que vai pensar 100 vezes antes de aceitar ser candidato na eleição presidencial de 2022. “Estou muito angustiado com o que está ocorrendo, mas há a liberdade de uma não conveniência de uma candidatura. Isso, depois, será discutido pelo partido”, disse.

Ele voltou a criticar o PT, mas ressalvou que o ex-concorrente do partido ao Planalto, Fernando Haddad, faz parte do grupo de homens de bem do partido.

Em um tom semelhante ao usado no segundo turno da eleição presidencial, quando não deu um apoio formal a Haddad contra o presidente Jair Bolsonaro, Ciro disse que “não aceita mais a hegemonia do lado bandido do PT”.

Ao citar o exemplo do vereador Eduardo Suplicy, presente no evento, como um “homem honesto, nunca presente em nenhuma destas listas de corrupção”, Ciro disse que ao lado dele estão, entre outros, os ex-governadores gaúchos Olívio Dutra e Tarso Genro.

Ciro foi então questionado sobre Haddad. “Ele é um homem de bem”, disse.

O pedetista disse ainda que quer manter o diálogo com o PT, com que o PDT dele disputa o espaço de liderança da oposição. Segundo Ciro, ele quer que os petistas ocupem uma vaga na comissão especial que vai tratar da reforma da Previdência. “Nós temos de ter lá quem ouça os movimentos sociais, que tire a reforma de Brasília. Temos de juntar o máximo de votos que puder para conter danos”, afirmou. (EXAME)

Na cidade de Tavares, no Sertão da Paraíba, os moradores das Ruas Maria Rosa da Conceição e João Bernardino estão tendo que conviver com a escuridão à noite nas vias públicas devido a lâmpadas de postes queimadas.

De acordo com informações, na Rua Maria Rosa da Conceição, postes estão com as luzes queimadas há mais de duas semanas, fato esse que tem causado transtornos e gerado insegurança às famílias, que tem relatado o problema nas redes sociais.

“Atenção senhor Sec. De Obras Tavares por gentileza providencie a luz desse poste, já faz dias que nós se encontramos no escuro. Desde já agradeço”, descreveu uma moradora em seu facebook.

Em contato com o Blog do Aryel Aquino um cidadão disse: “A gente ficava na calçada conversando à noite, mas agora não podemos mais, pois com o escuro temos medo de ser vítima da criminalidade”.

Já moradores da Rua João Bernardino afirmam que as lâmpadas de alguns postes estão queimadas há mais de oito dias. Na via, existem muitos pontos comerciais que só fecham às portas à noite.

A situação tem preocupado os comerciantes e a vizinhança em geral, pois locais escuros se tornam vulneráveis a crimes, como por exemplo, assaltos.

Os moradores das duas ruas pagam taxa de iluminação pública e cobram que a prefeitura de Tavares resolva o problema o mais rápido possível.

O QUE DIZ O GOVERNO MUNICIPAL – O Blog do Aryel Aquino entrou em contato com a secretaria municipal de obras, que é a responsável pela substituição das lâmpadas.

Segundo o secretário, Edson Lima (Lourinho), a prefeitura está sem material para realizar o serviço.

“Estamos aguardando chegar”, disse Lourinho, sem da prazo para reposição das lâmpadas.

Com as informações da assessoria de comunicação

O prefeito interino de Tavares, no Sertão da Paraíba, Luiz Pereira (Poeta), sancionou o Projeto de Lei que concede o Piso Salarial aos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate a Endemias (ACE).

Com a ação, o chefe do Poder Executivo garante aos profissionais reajuste em seus salários, passando de R$ 1.014 para 1.250 reais.

“Reajustamos os salários dos agentes comunitários de saúde e de combate às endemias, pois entendemos a importância desses profissionais na prevenção de doenças, eles realizam um trabalho preventivo importante, além de acompanhar as necessidades particulares de pacientes”, declarou o prefeito, Luiz Poeta.

Além de conceder o pagamento do piso, o Governo Municipal também está garantindo incentivo para os profissionais com a Lei que concede insalubridade aos agentes. O adicional de insalubridade é um instrumento legal de compensação ao trabalhador por períodos de trabalho exposto a agentes nocivos.

O presidente Jair Bolsonaro recebeu na manhã deste domingo, 10, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, no Palácio da Alvorada. O encontro não constava na agenda oficial e, ao longo da tarde, integrantes do grupo do filósofo e escritor Olavo de Carvalho divulgaram nas redes sociais que Bolsonaro ordenou ao ministro o afastamento do diretor de programa da Secretaria Executiva, coronel-aviador da reserva Ricardo Wagner Roquetti.

A Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom) não se pronunciou sobre a exoneração, mas, em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, o próprio Roquetti confirmou a informação. “O presidente pediu meu afastamento hoje em conversa pessoal com o ministro. A exoneração deve ocorrer durante a semana, pois é um ato administrativo burocrático que leva tempo”, disse.

Roquetti está no centro de uma disputa envolvendo os “olavistas” e coronéis e generais em cargos comissionados no ministério. No final de semana, integrantes do grupo de Olavo acusaram os militares de tentarem expurgá-los do Ministério da Educação para frear as investigações da “Lava Jato da Educação”, um pente-fino anunciado pelo governo nos contratos firmados nas gestões passadas.

Na sexta-feira, Olavo usou as redes sociais para pedir a seus alunos a deixaram os cargos no ministério, depois que foi informado do expurgo. No Facebook, ele escreveu que oficiais militares induzem Vélez Rodriguez, a tomar “atitudes erradas” e lançam a culpa nos seus alunos. “São trapaceiros e covardes”, acusou.

Os “olavistas” dizem que os militares isolaram o ministro Vélez Rodríguez e “sabotaram” ações no setor defendidas na campanha de Jair Bolsonaro. Ligado ao filósofo, o assessor especial do ministério Silvio Grimaldo escreveu na manhã de sábado no Facebook que foi um dos que sofreram rebaixamento de cargo por conta da pressão dos militares. O assessor ressaltou que o presidente Jair Bolsonaro poderia fazer um governo “alicerçado” em ativistas e intelectuais de direita, mas “preferiu” se cercar de “generais positivas”.

Em outra postagem, Grimaldo associou os ataques ao grupo de Olavo dentro do MEC a demissão do diplomata Paulo Roberto de Almeida do comando do Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais. No carnaval, Almeida foi exonerado depois de divulgar textos críticos à política externa e ao próprio ministro Ernesto Araújo. O diplomata disse que Olavo estava por trás de sua demissão. O escritor, porém, negou.

JC Online

A Polícia Civil de Pernambuco divulgou nesta segunda-feira (11) outros retratos falados dos suspeitos de serem responsáveis por furar foliões com agulhas durante o Carnaval em Olinda no domingo (3) e segunda (4). O órgão informou que uma mulher também é suspeita de envolvimento com o caso, mas que por enquanto não há retrato falado para divulgar.

Possíveis vítimas – De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), até a última sexta (8), ao menos 190 pessoas alegaram terem sido vítimas das ‘agulhadas’ no período carnavalesco. Desse total, após triagem no Hospital Correia Picanço, onde estão sendo recebidos pacientes deste caso, 140 foram indicados para iniciarem o tratamento de prevenção contra a infecção pelo HIV.

“Os demais ou se recusaram a fazer o teste rápido (pré-requisito para o uso da medicação), ou já tinham passado da janela de 72 horas preconizadas para início do tratamento”, complementa a secretaria. Eles serão acompanhados, de forma rotineira, no Hospital Correia Picanço, para monitorar possíveis infecções.

Apesar da preocupação, especialistas afirmam que o risco de contrair a doença por meio de agulhas infectadas é considerado baixo, sendo de apenas 0,3%.

Na sexta-feira (08/03), o prefeito interino de Tavares, no Sertão, Luiz Pereira (Poeta), esteve reunido com o secretário de infraestrutura, dos recursos hídricos e do meio Ambiente do Estado da Paraíba, Deusdete Queiroga.

Na pauta, estava a viabilização de obras para município. “Solicitei a perfuração de cinco poços artesianos em Tavares, que serão construídos no Povoado Silvestre e em outras comunidades. Em breve vamos anunciar mais benefícios para nossa população. Como já é do conhecimento de todos, a nossa gestão tem procurado diariamente trabalhar por nossa Tavares, por nosso povo”, cravou o prefeito Luiz Poeta.

Participaram da reunião o secretário de meio ambiente da prefeitura, Romeu Gonçalves, e o advogado Matheus Nunes.

O governo federal pagará cerca de R$ 400 mil pela internação de 17 dias do presidente Jair Bolsonaro no hospital Albert Einstein.

Bolsonaro foi submetido a uma cirurgia de reconstrução do trânsito intestinal e retirada da bolsa de colostomia em 28 de janeiro. O custo da operação foi divulgado pelo jornal Folha de S.Paulo neste domingo (10.mar.2019).

“O pagamento será realizado nos próximos dias pelo Hospital das Forças Amadas (HFA), que receberá o ressarcimento orçamentário da Presidência da República”, informou o Planalto em nota enviada à Folha.

Os custos com a internação serão abatidos do orçamento de R$ 333,3 milhões de despesas discricionárias da Presidência.

De acordo com a Folha, os R$ 400 mil não incluem o trabalho dos médicos que realizaram a cirurgia. O Einstein não informa os valores.

Ao jornal, o Planalto informou que os médicos não cobraram pela operação nem pela consulta de revisão à qual Bolsonaro foi submetido em 27 de fevereiro, 15 dias após ter alta.

Bolsonaro passou por 3 procedimentos cirúrgicos desde que sofreu 1 atentado com faca durante uma carreata na campanha eleitoral na cidade mineira de Juiz de Fora, em 6 de setembro. O autor do crime, Adélio Bispo de Oliveira, está preso.

Por Nill Júnior

O TJPE acatou recurso da Prefeitura de Carnaíba e decidiu que o salário do vereador licenciado e Secretário municipal Antônio Venâncio deve ser pago pela Câmara de Vereadores.

Antes, o próprio vereador ingressou com Mandado de Segurança ante a recusa do legislativo em pagar seus vencimentos. Antônio Venâncio optou pelo salário de vereador.

A decisão é amparada pela Lei Orgânica Municipal, que em seu artigo 23 define que não perderá o mandato de vereador o investido de cargo de Secretário Municipal, Estadual ou Ministro. O vereador assim investido poderá optar pela remuneração do mandato.

O que se discutiu nos autos era a quem competia pagar o vereador secretário: se à Câmara ou à prefeitura.

Entendeu o relator Eric de Souza Dantas Simões que onde há esse dispositivo na Lei Orgânica Municipal, a responsabilidade de pagamento do vereador Secretário é da Câmara de Vereadores.

“O alto gasto com pessoal pela Câmara Municipal, alegação da defesa, não retira o ônus do pagamento dos vencimentos, diante da previsão na Lei Orgânica de que o vereador, afastado para ocupar cargo de Secretário Municipal, pode optar pela remuneração de cargo efetivo”.

A decisão foi seguida pelos pares, por unanimidade.

Mais duas pessoas morreram durante um acidente na PE-320, nesse domingo (10), no distrito de Canaã, em Triunfo/PE, Sertão do Pajeú. Segundo informações do 14ºBPM, por volta das 17h30, um carro modelo Golf capotou várias vezes após o motorista perder o controle da direção.

Duas pessoas morreram no local: José Nilson dos Santos Silva, 31 anos, que residia no distrito de Varzinha, em Serra Talhada, e Thaís Silva Andrade, 21 anos. Outras duas encontram-se em estado grave no Hospital Regional Agamenom Magalhães (Hospam): Maria Eduarda Noel da Silva, 19 anos e Juciene Vicente da Silva, 22.

A sequência de acidentes, quase no mesmo horário, acabou gerando um tumulto no Hospital Agamenon Magalhães, que já fazia o atendimento emergencial dos feridos na BR-232, e o diretor, João Antonio Magalhães, criou uma espécie de ‘gabinete de crise’, Nas redes sociais, o diretor agradeceu o apoio de todos os envolvidos.

“Minha fala neste momento é inicialmente de solidariedade a todas as famílias dos acidentados e de reconhecimento pelo empenho e trabalho de toda a equipe do plantão. A equipe que atendeu os feridos tinha cinco enfermeiras, onze técnicas, vigilantes, maqueiros, motoristas, recepcionistas e os médicos Jailson, Cícero, Francisco Gomes e Ricardo Bruno”, resumiu Magalhães. (Farol de Notícias)

Resultado de imagem para raios

João Batista Alves dos Santos, de 40 anos, seu filho João Pedro Alves dos Santos (10), e seu sobrinho, Alan Soares dos Santos (12), morreram na tarde da última quarta-feira (6), após um raio incendiar a casa onde estavam, em Arujá, região metropolitana de São Paulo.

Os três estavam em casa quando o local foi atingido por um raio e pegou fogo. Moradores da região chamaram o Corpo de Bombeiros, que enviou quatro viaturas para o local.

Apesar de o fogo ter sido contido, as vítimas não sobreviveram. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o Instituto de Criminalística fez perícia no local e o caso foi registrado pela Delegacia de Arujá como morte suspeita e incêndio.

Arujá é o oitavo município paulista com a maior densidade de descargas elétricas, segundo informações do Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat), ligado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Na noite deste sábado (10), encerrando o ciclo de posses na diocese de Afogados da Ingazeira, tomou posse na Paróquia de Nossa Senhora das Dores, em São José do Belmonte, o padre José Ailton Costa. A informação é do Afogados Online.

Padre Ailton estava atuando na Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, em Tuparetama, e foi um dos nove padres que tiveram suas transferências anunciadas pelo bispo diocesano, dom Egidio Bisol, durante reunião do clero em novembro do ano passado.

Muita gente compareceu para acompanhar a missa de posse presidida pelo bispo dom Egidio. Padre Ailton agradeceu ao povo de Tuparetama que estava presente e disse esperar contar com a colaboração e ajuda dos paroquianos em sua nova paróquia. “Todo início de jornada é difícil, preciso de vocês. Não vou dizer o que gosto e etc. Prefiro que a gente vá se conhecendo na caminhada, mas, algumas dicas: Na Bíblia meu lema de vida e ordenação são “Fazei tudo para a glória de Deus (Icor 10,31) e eis que estarei convosco todos os dias até o fim do mundo (Mt 28,20).”, disse em seu discurso.

Padre Ailton encerrou cantando um trecho da música de Gonzaguinha em que diz: Eu fico com a pureza da resposta das crianças é a vida, é bonita e é bonita, viver e não ter a vergonha de ser feliz, cantar e cantar na beleza de ser um eterno aprendiz.

MIO TELECOM

CENTRAL: (83) 3450-1177 ou (Tavares) 83- 9 9618-8308, (Princesa Isabel) 9 9850-0074, (Manaíra) 9 9908-2110. Mais informações, clique na imagem.

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARNAÍBA

CONSULTORA MARTA ALVES

Telefone/WhatsApp:

(83) 9 9869-0840

ARTE MÍDIA

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB. Fone: Hélio Mendes.